PROGRAMA MÍNIMO PARA RESIDÊNCIA MÉDICA EM PSIQUIATRIA
 
 


Diretoria Executiva 2004-2007

Josimar Mata de Farias França
Presidente

João alberto Carvalho
Vice-Presidente

Miguel Abib Adad
Secretário Geral

Luiz Alberto Hetem
Tesoureiro Geral

João Carlos Dias
Tesoureiro Adjunto


Secretários Regionais

Alfredo José Minervino
Nordeste

Benedito Paulo Bezerra
Norte

Fausto Amarante
Sudeste

Géder Evandro Grohs
Sul

Renée Elizabeth Freire
Centro-Oeste


Conselho Fiscal

Efetivos
João Dummar Filho
Hamilton Grabowski
Sérgio Luis Blay

Suplentes
Dênio Lima
José Cássio Pitta
Ruy Palhano Silva






        A Comissão de Residência Médica em Psiquiatria da Associação Brasileira de Psiquiatria (CRMP-ABP) ao propor esse programa, recomenda o índice de no mínimo 10% de carga horária para a programação didática (aula teórica, seminários, supervisões etc...) e 80% a 90% para Treinamento em Serviço.

        I — PROGRAMA

        a) Residência cm Psiquiatria — 1°Ano — (mínimo de 2.880 horas anuais)

        1. Programação Didática
        1.1 Ciências Básicas
        1.2 Avaliação Diagnóstica
        1.3 Terapêuticas: Biológicas
                                 Psicossociais
        1 .4 Ética em Psiquiatria
        1 .5 Conhecimentos Gerais
        1 .6 Políticas públicas em saúde mental
        1 .7 Psicopatologia Geral.

        2. Treinamento em Serviço - Estes estágios (deverão ser desenvolvidos em:
        2.1 Estágio em Enfermaria (mínimo 30% da carga horária anual)
        2.2 Estágio cm Neurologia (mínimo 5% da carga horária anual)
        2.3 Clínica Médica (mínimo 5% da carga horária anual)
        2.4 Estágio Ambulatorial (mínimo 30% da carga horária anual)
        2.5 Emergência Psiquiátrica (mínimo 10% da carga horária anual)
        2.6 Estágio Optativo à critério da Instituição


        b) Residência em Psiquiatria — 2°Ano — (mínimo de 2.880 horas anuais)

        3. Programação Didática
        3.1 Ciências Básicas
        3.2 Psicopatologia Especial
        3.3 Psicoterapia
        3.4 Psiquiatria da Infância e Adolescência
        3.5 Abuso e Dependência de Drogas

        4. Treinamento em Serviço — Estes estágios deverão ser desenvolvidos em:
        4.1 Emergência cm Psiquiatria (mínimo 10% da carga horária anual)
        4.2 Interconsulta (mínimo 10% da carga horária anual)
        4.3 Estágio em Ambulatório ou CAPS ou NAPS (mínimo 40% de carga horária anual); com         obrigação de desenvolver as seguintes áreas:
                • Dependência Química
                • Psiquiatria Geriátrica
                • Psiquiatria da Infância e Adolescência
                • Ambulatórios especializados (ex.:Esquizofrenia, Transtorno do Humor)
                • Psiquiatria Geral
        4.4 Treinamento em Psicoterapia (mínimo 10% de carga horária anual)
        4.5 Estágio Optativo à critério da Instituição


        c) Residência em Psiquiatria — 3º Ano — (mínimo de 2.880 horas anuais)

        5. Programação Didática
        5. 1 Ciências Básicas
        5.2 Psiquiatria Geriátrica
        5.3 Psiquiatria Forense
        5.4 Epidemiologia Psiquiátrica
        5.5 Psiquiatria Comunitária
        5.6 Conhecimentos Gerais
        5.7 Metodologia Científica

        6. Treinamento em Serviço — Estes estágios deverão ser desenvolvidos em:
        6.1 Estágio em Ambulatório (mínimo 50% da carga horária anual); sendo:
                • Psiquiatria Geral
                • Ambulatório especializado
                • Área de atuação
        6.2 Treinamento em Psicoterapia (mínimo 10% da carga horária anual)
        6.3 Reabilitação (mínimo 10% da carga horária anual)
        6.4 Estágio Optativo à critério da Instituição (mínimo 10% da carga horária anual)
              • Comunicar-se eficientemente e demonstrar atenção e comportamentos respeitosos ao                  interagir com os pacientes e familiares.
              • Reunir informação essencial e acurada sobre seus pacientes
              • Tomar decisões de maneira informada acerca das intervenções
                 diagnósticas e terapêuticas, com base nas informações e preferências do paciente,                  nas evidências científicas atualizadas e no julgamento clínico.
              • Desenvolver e executar planos terapêuticos.
              • Aconselhar e instruir pacientes e familiares.
              • Usar tecnologia da informação para embasar as decisões de tratamento e a educação                 do paciente.
              • Executar com competência todos os procedimentos médicos e invasivos considerados                  essenciais para a área.
             • Propiciar serviços de saúde que visem a prevenção dos problemas de saúde ou a                   manutenção da saúde.
             • Trabalhar com profissionais de saúde, incluindo aqueles de outras disciplinas, para                   fornecer atendimento centrado no paciente.


        COMPETÊNCIAS A SEREM ALCANÇADAS:

        1. O residente demonstrará habilidade para executar e documentar um exame completo da história psiquiátrica de pacientes culturalmente diversos, pacientes geriátricos, crianças e adolescentes:

                • História psiquiátrica atual e passada.
                • História sociocultural e educacional.
                • História da família, incluindo aspectos etnoculturais e genealógicos.
                • História de abuso de substâncias.
                • História médica e revisão dos sistemas.
                • Exame físico e neurológico.
                • Exame completo do estado mental, incluindo avaliação do funcionamento cognitivo.
                • História desenvolvimental.

        2. Com base em uma avaliação psiquiátrica completa (veja item 1 logo acima), o residente demonstrará habilidade para desenvolver e documentar o seguinte:

                • Diagnóstico diferencial abrangente segundo o CID 10 e/ou DSM IV.
                • Saber avaliar e identificar sintomas, sinais e défits psicopatológicos.
                • Formulação integrativa de casos que inclua questões neurobiológicas,                 fenomenológicas, psicológicas e socioculturais envolvidos no diagnóstico e no controle.
                • Plano de avaliação, incluindo exames laboratoriais, médicos e psicológicos                 adequados.
                • Plano completo de tratamento abordando domínios biológicos e socioculturais.

        3. O residente demonstrará habilidade para avaliar, discutir e documentar de maneira completa o potencial de o paciente ferir-se ou ferir outras pessoas, bem como para intervir.

        Essa habilidade inclui o seguinte:

                • Avaliação de risco.
                • Conhecimento de normas e dos procedimentos para o tratamento involuntário.
                • Intervenção efetiva para minimizar os riscos.
                • Implementação de métodos para prevenir auto-lesão ou outras pessoas.

        4. O residente demonstrará habilidade para conduzir intervenções terapêuticas (ex.: intensificar a capacidade de coletar e usar material clinicamente relevante através da conduta das intervenções de apoio) bem como executar intervenções exploratórias e esclarecimentos.

        5. O residente demonstrará habilidade para conduzir uma série de terapias individuais bem como terapias de grupo e família, usando para tanto modelos aceitos que sejam baseados em evidência, além de integrar essas psicoterapias ao tratamento de modelo múltiplo incluindo intervenções biológicas e socioculturais.

        6. O residente demonstrará conhecimento dos principais transtornos psiquiátricos, incluindo idade, sexo e considerações socioculturais com base na literatura científica e nos padrões de atuação. Esse conhecimento inclui o seguinte:

                • Epidemiologia do transtorno.
                • Etiologia do transtorno, incluindo (quando conhecidos) fatores médicos, genéticos e                 socioculturais.
                • Fenomenologia do transtorno.
                • Experiência, significado e explicação da doença para o paciente e sua família,                 incluindo a influência dos fatores culturais e das síndromes ligadas às culturas.
                • Critérios de diagnóstico da CID 10 e DSM IV.
                • Estratégias de tratamento eficazes.
                • Curso e diagnóstico.

         7. O residente demonstrará conhecimento dos medicamentos psicotrópicos, incluindo antidepressivos, antipsicóticos, ansiolíticos, estabilizadores de humor, hipnóticos e outros.

        Esse conhecimento inclui o seguinte:

                • Ação farmacológica.
                • Indicações clínicas.
                • Efeitos colaterais.
                • Interações medicamentosas (incluindo medicamentos alternativos, à base de ervas e                 vendidos livremente nas farmácias).
                • Toxidade.
                • Práticas apropriadas para prescrição.
                • Idade, sexo e variações etnoculturais.

        8. O residente demonstrara conhecimento sobre o abuso de substâncias. Esse conhecimento inclui o seguinte:

                • Ação farmacológica.
                • Sinais e sintomas de toxidade.
                • Sinais e sintomas de tolerância e abstinência,
                • Controle de toxidade, tolerância e abstinência.
                • Epidemiologia, incluindo fatores socioculturais.

        9. O residente demonstrará conhecimento do crescimento e do desenvolvimento humano, incluindo os desenvolvimentos biológico, cognitivo e psicossexual normais, bem como os fatores socioculturais, econômicos, étnicos, sexuais, religiosos/espirituais e familiares.

        10. O residente demonstrará conhecimento da psiquiatria de emergência. Esse conhecimento inclui o seguinte:

                • Suicídio.
                • Intervenção de crises.
                • Diagnóstico diferencial nas situações de emergência.
                • Métodos de tratamento nas situações de emergência.
                • Homicídio, estupro e comportamento violento.

        11. O residente demonstrará conhecimento da ciência comportamental e da psiquiatria sociocultural. Esse conhecimento inclui o seguinte:

                • Teologia, antropologia e sociologia quando relacionados à psiquiatria clínica.
                • Psiquiatria transcultural.
                • Saúde mental da comunidade.
                • Epidemiologia.
                • Métodos de pesquisa e estatística.

        12. O residente demonstrará conhecimento das terapias psicossociais. Esse conhecimento inclui o seguinte:
                • Todas as formas de psicoterapia (grupo, individual, familiar, comportamental e                 prática)
                • Tratamento das disfunções de transtornos específicos.
                • Relacionamento médico-paciente.
                • Outras modalidades psicoterapêuticas.


        13. O residente demonstrará conhecimento dos métodos de tratamento somático. Esse conhecimento inclui o seguinte:

                • Farmacoterapia (conforme item 2 desta lista)
                • Eletroconvulsoterapia (ECT)
                • Outros procedimentos

        14. O residente demonstrará conhecimento da avaliação do paciente e da seleção do tratamento. Esse conhecimento inclui o seguinte:

                • Testagem psicológica.
                • Métodos laboratoriais usados na psiquiatria.
                • Exame do estado mental.
                • Entrevista de diagnóstico.
                • Comparação e seleção do tratamento.

        15. O residente demonstrará conhecimento da interconsulta psiquiatria. Esse conhecimento inclui o seguinte:

                • Síndromes específicas (ex.: reações ao estresse, transtornos pós-parto, síndromes                 da dor, reações pós-cirurgias e na UTI).
                • Aspectos psiquiátricos das doenças psiquiátricas.
                • Complicações psiquiátricas do tratamento não- psiquiátrico.
                • Transtornos psicossomáticos e somatopsíquicos.
                • Modelos de interconsulta psiquiátrica.

        16. O residente demonstrará conhecimento da psiquiatria de criança e adolescente. Esse conhecimento inclui o seguinte:

                • Avaliação de tratamento de crianças e adolescentes.
                • Transtornos geralmente diagnosticados primeiro na infância ou na adolescência.
                • Retardo mental e outros problemas do desenvolvimento.

        17. O residente demonstrará conhecimento de psiquiatria forense.

        18. O residente demonstrará conhecimento de psiquiatria administrativa e de sistemas de atendimento de saúde.

        19. O residente demonstrará conhecimento da ética.

        20. Capacidade de atualização.

        O residente será capaz de:

        Rever e avaliar criticamente a literatura científica.

       • Localizar, apreciar e assimilar evidências de estudos científicos relacionados com os problemas de saúde pacientes. (saber fazer investigação bibliográfica Medline).


       III - RECURSOS EDUCACIONAIS

       Nos locais onde estão implementados o Programa de Residência Médica em Psiquiatria constarão dos seguintes recursos educacionais:

       a) Biblioteca atualizada com livros textos:
              1. Psiquiatria geral
              2. Neurociências
              3. Psicoterapia
              4. Periódicos nacionais e internacionais de psiquiatria.

       b) Internet e outros acessos eletrônicos.

       c) Salas equipadas com equipamentos áudio-visuais.

       d) Salas para atendimentos clínico e psiciterápico