A depressão é caracterizada por lentificação dos processos psíquicos, humor depressivo e/ou irritável (associado à ansiedade e a angustia), redução da energia (desânimo, cansaço fácil), incapacidade parcial ou total de sentir alegria e/ou prazer (anedonia), desinteresse, lentificação, apatia ou agitação psicomotora, dificuldade de concentração e pensamentos de cunho negativo, com perda da capacidade de planejar o futuro e alteração do juízo de realidade.   

A capacidade de crítica do estado mórbido pode ou não estar preservada. 


Gravidade e freqüência dos sintomas variam muito de um deprimido a outro, podendo ser intermitentes ou predominar lentidão física e mental com inibição e ansiedade, ou ainda, intensa agitação psicomotora ou estupor depressivo, com alucinações, idéias deliróides e/ou obnubilação da consciência, no caso da depressão psicótica (Mayer-Gross e cols, 1976; Goodwin e Jamison, 1990).